Logo
Agenda < >

PROJEÇÕES - PROGRAMA OFICIAL 2023

Ciclo de Performances Artistas Emergentes

Projeções é um ciclo de apresentação de trabalhos de artistas emergentes e futuros criadores. O objetivo é apoiar estes artistas na criação e divulgação dos seus projetos.
---

Call Me Three Times
Katarina Lanier

Call Me Three Times é uma peça que navega por entre fragmentos de estados oníricos e realidades de desejo. É uma exploração das fantasias possíveis e dos seus limites. Uma vez localizada e formulada uma fantasia, quais são as consequências de tornar esses sonhos palpáveis? Através de segmentos articulados com projeção de vídeo em direto, vídeo pré-gravado e ação ao vivo, a autora convida o público a explorar as múltiplas facetas das suas próprias interrogações e vulnerabilidades e a sua falsificação. Este trabalho foi desenvolvido no âmbito do PACAP 5 – Programa Avançado de Criação em Artes Performativas com curadoria de João Fiadeiro em colaboração com Márcia Lança, Carolina Campos e Daniel Pizamiglio e promovido pelo Fórum Dança.

Ano: 2022
Características da obra: 40 minutos, Peça de dança com artes visuais. Excerto de 20 minutos.
Coreógrafa, Performance, Cenografia: Katarina Lanier
Agradecimentos: Daphnée Gharaee, Biljana Lanier
---

Estudo #1
Beatriz Gaspar

Se a imagem é a linguagem do tempo, a palavra é a linguagem do espaço. De que forma um conjunto de paisagens biográficas nos ajuda a pensar uma geografia afetiva universal? Fruto de um processo de recolha e estudo de arquivo familiar, este objeto desenvolve-se em torno de uma sequência fotográfica protagonizada por um sujeito feminino autoficcionado, num exercício que elege o singular como lugar predileto para pensar dinâmicas plurais de imanência e transcendência, consciência e ação. Numa reflexão sobre a imagem-tipo e as lógicas sujeito-objeto que o retrato oferece, este projeto constitui-se como primeira materialização daquilo que é uma pesquisa prolongada da relação entre aquele que vê e aquele que é visto. 
Criação e performance: Beatriz Gaspar 
Apartir de um ensaio visual de Beatriz Gaspar e excertos de Apresentação do Rosto, de Herberto Hélder
Acompanhamento artístico: Helena Baronet, Catarina Pacheco, João Gaspar e Maria LaLande
Espaço cénico: Beatriz Santos, Fernandes de Pinho
Sonoplastia: João Hasselberg
Apoio: Largo Residências, Polo Cultural Gaivotas | Boavista, Cossoul
Agradecimentos: Sabrina D. Marques, José João Batista, Samuel Arguinzones, Matilde Calado, Pedro Guimarães
----

Lá Fora/ Cá dentro
Joana Pinto, João Almeida e Susana Vilar

O que existe lá fora? Quantas pessoas, flores, quantos bichos, quantos mundos? E o que existe cá dentro? Quantos pensamentos, emoções, sensações?
Nos tempos que correm, a separação entre o "cá dentro" e o "lá fora" tornou-se muito clara e restrita. No entanto, será que somos capazes de olhar lá para fora e compreender todos os "cá dentro" que existem além de nós? Que penso eu do mundo e que penso eu de mim próprio? De que forma influencio o mundo e me deixo influenciar pelo mesmo? Estaremos conectados?
Se vivêssemos apenas cá dentro, o que nos restaria? E se apenas nos encontrássemos lá fora, o que sobraria de nós?

Direção artística, coreografia e interpretação: Joana Cunha Pinto, João Almeida, Susana Vilar 
Composição musical: Joana Cunha Pinto
Registo fotográfico e vídeo: Catarina Feio, Flávia Costa, Gabriel Monteiro
Produção: João Almeida, Maria João Sá - DCTR Associação Cultural
Apoios: 23 milhas, AgitLab, Quartel das Artes com a colaboração da editora Planeta Tangerina
Um projeto financiado pela Direção Regional da Cultura do Centro
---
December 2023